Siga a luz

Siga a luz diz novamente sigo e não sei aonde chegarei Sigo por águas claras por largos passos matas verdejantes cachoeiras de águas claras cristalinas Grito, quem me ouvirá? Clamo, eis que vem o socorro De onde ele vem? Vem do céu do mais alto do céu a voz que clama...